O Cris recebeu, em 16 de maio, o secretário geral da Fundação Alexander von Humboldt, Thomas Hesse, e a diretora do Escritório de Apoio da Fundação Humboldt e do Centro Alemão de Ciência e Inovação (DWIH), Nora Jacobs. O objetivo foi apresentar ao Cris, IOC e COC a Fundação alemã e mostrar seus programas de bolsas de pós-doutorado para pesquisadores e cientistas.

Segundo Hesse, a concessão das bolsas é totalmente dirigida para pessoas e não projetos, seguindo critérios de avaliação baseados na excelência acadêmica e voltada para todas as áreas do conhecimento humano.

Voltada para o entendimento universal, a Fundação Humboldt orientou seus recursos para uma rede internacional de cooperação acadêmica, composta hoje por mais de 25.000 “Humboldtianos” em todo mundo, que incluem 47 vencedores do Prêmio Nobel.