A Fiocruz e a Case Western Reserve University (EUA) assinaram, na terça-feira (11/12), um memorando de entendimento que vai ampliar a cooperação entre as duas instituições no campo de programas de intercâmbio e outras áreas de interesses afins. Com a parceria firmada para os próximos cinco anos, serão identificadas oportunidades de intercâmbio de professores e de equipes de pesquisa e estabelecidos programas de pós-graduação em áreas de ensino, pesquisa e administração da universidade. O acordo também vai estimular visitas de autoridades das duas instituições a fim de expandir áreas de cooperação.

O coordenador técnico do Centro de Relações Internacionais em Saúde (Cris/Fiocruz), José Roberto Ferreira, afirma que o acordo vai abrir possibilidades para cooperações triangulares que envolvam as duas instituições e países africanos e sul americanos. “A universidade se mostrou muito interessada em ampliar essa parceria com outros países principalmente no que diz respeito ao fortalecimento dos Institutos Nacionais de Saúde (INS)”, revelou.

Segundo o presidente da Fiocruz, Paulo Gadelha, a parceria é um ponto de partida para o fortalecimento das relações entre a Fundação e a universidade. “Essa parceria é fruto da união entre duas instituições de excelência inclusive em saúde pública que têm muitos objetivos em comum, inclusive no que diz respeito à temática desenvolvimento sustentável. A assinatura de acordo com instituições como a Case Western Reserve University é fundamental para o aprimoramento de nossos programas de pós-graduação e nossa ideia é ampliar ainda mais nossas relações com esta e outras instituições”, afirmou.



Agência Fiocruz de Notícias